Sedu-ES abre inscrições para Cursos Técnicos

Estão abertas as inscrições do processo seletivo para os cursos técnicos na forma subsequente ao ensino médio. São 7.436 vagas em 31 cursos distribuídos por 45 munícipios do Estado do Espírito Santo, disponíveis já no primeiro semestre de 2012.

As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet, no site da Sedu – www.educacao.es.gov.br, no ícone “Inscrições Cursos Técnicos”, a partir das 10 horas da próxima terça-feira (29) até as 23 horas e 59 minutos do dia 05 de dezembro. No ato da inscrição, o candidato deverá optar por apenas uma escola, um curso e um turno. Para efetuar a inscrição será obrigatória a declaração do CPF.

O processo seletivo é destinado aos candidatos que tenham concluído todo o ensino médio regular, educação profissional integrada ao ensino médio ou Educação de Jovens e Adultos (EJA) na rede pública (estadual, municipal ou federal).

No entanto, há exceções. A novidade para o próximo ano é que podem participar também estudantes concluintes do ensino médio ou pessoas com ensino médio completo, oriundas de entidades filantrópicas reconhecidas como tal, ou alunos oriundos da rede privada, desde que comprovem a condição de bolsista integral por razões socioeconômicas.

A seleção consistirá na aplicação de prova objetiva de Língua Portuguesa e Matemática, que será aplicada pela própria escola estadual ofertante no dia 11 de dezembro, das 08 às 12 horas.

E para oferecer ainda mais benefícios para jovens do Estado a Sedu ampliou a distribuição de merenda escolar também para a educação profissional técnica, atendendo mais 14 mil pessoas. Outra novidade anunciada é oferta de cursos técnicos na modalidade de Educação à Distância, com a previsão da oferta de 1.600 vagas até 2014.

Subsequentes

Os cursos técnicos na forma subsequente ao ensino médio são destinados a estudantes que já concluíram o ensino médio ou aqueles que estejam no último ano. Com duração de 800 a 1.200 horas, equivalestes a um ano ou um ano e meio, os cursos passam a garantir aos jovens e adultos a possibilidade de continuidade dos estudos.

Para o ano de 2013 a meta é alcançar a oferta de 12 mil vagas de cursos técnicos na forma subsequente ao ensino médio e 18 mil para 2014.

Ensino médio integrado

A Educação Profissional Técnica Integrada ao ensino médio, dá ao aluno a oportunidade de concluir o ensino médio e ao mesmo tempo adquirir a formação técnica necessária para sua inserção no mundo do trabalho. O curso tem duração de três anos, no horário integral, ou quatro anos. Desde sua criação, em 2005, o curso já ofertou mais de 16 mil vagas e para 2014 a meta é oferecer mais de cinco mil vagas.

Bolsa Sedu

O Bolsa Sedu oferece cursos de educação profissional de nível médio, custeados pela Sedu em instituições de ensino particular.

O programa vem sendo ampliado a cada edição. Em 2007, na sua criação, a oferta foi de 700 vagas. Em 2012, a meta é chegar ao número de 1.200 ofertas e em 2013 e 2014, permitir o acesso de 1.700 jovens à educação profissional. O número de municípios atendidos também saltou de três para 11.

Proitec

O Programa Integrado de Educação Profissional e Tecnológica, desenvolvido pelo Governo do Estado, é uma parceria entre Secretaria de Estado da Educação (Sedu) e Secretaria de Ciência e Tecnologia (Sect), com objetivo de ampliar a educação técnica de nível médio.

O programa, em suas diferentes modalidades de oferta, reúne as redes de ensino federal, estadual e privada e articula-se com as políticas nacionais, a exemplo dos cursos subsequentes, como forma de potencializar os esforços para o entendimento ao ensino técnico.

Pronatec

Desenvolvido pelo Governo Federal, o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), tem como meta formar mais de três milhões de profissionais até 2014, para isso irá contar com parcerias com o ensino federal, escolas públicas e órgãos do Sistema S de ensino (Sesc, Senai, Senac e Senat).

Por meio do programa, a Secretaria de Estado da Educação (Sedu) em parceria com o Senai e Senac ofereceu 3.205 vagas em 32 cursos de formação inicial e continuada para o segundo semestre de 2011. Até chegar em 2014 com mais nove mil vagas ofertadas.

Bolsa Técnica

O Programa Bolsa Técnica é uma oferta de Educação Profissional técnica de nível médio realizada em parceria entre Sedu e Instituto Federal de Educação Tecnológica do Espírito Santo (Ifes). O objetivo da ação é oferecer cursos técnicos para estudantes do terceiro ano do ensino médio, em que a educação geral é realizada na escola do Estado e a formação técnica no Ifes.

Os alunos estudam em dois turnos e contam com uma bolsa de ajuda de custo para alimentação e transporte. Para 2012 o programa oferecerá mais 250 vagas e a meta é somar mais 500 vagas até 2014.

Confira o Edital

Fonte: Assessoria de Comunicação/Sedu

Publicar no: TwitterFacebook Google +

Artigos Relacionados

© 2011 Concursos Empregos. Todos os direitos reservados.